Um palco redondo, cadeiras pretas iluminadas por um foco de luz e Fernanda Lima. Só isso já bastava para atrair os olhares durante o desfile da Neon, grife entre as preferidas de Marina Person e Didi Wagner.

Diferente, a Neon deixou de lado a passarela óbvia e elaborou uma coreografia sensual, numa espécie de dança das cadeiras. Durante todo o desfile, enquanto uma modelo se levantava e ia até a frente, outras trocavam de lugar e de pose.

Ali, de frente para os fotógrafos, a modelo de pé tirava uma ou duas peças de roupa lentamente como em um striptease. Sobrava pele à mostra.

Para fechar, a presença de Fernanda Lima, numa micro saída de praia. E dá-lhe flashes.

Fim de desfile, backstage. Adivinha só quem roubou a atenção…

Sem mais artigos