A sempre bem-humorada Ivete Sangalo falou sobre mau humor, peso, balança  e reeducação alimentar em entrevista para o o jornal O Dia neste domingo (14)

“Eu não faço reuniões quando estou de TPM, não tenho nenhuma programação. Honestamente, a única coisa que alivia a minha TPM é show, porque é uma coisa que eu gosto muito. Descarrego ali. Com TPM, eu cancelo tudo, aliás, nem marco”, revela a cantora.

A baiana como lida quando fica mal-humorada. “Todo mundo sabe que eu sou uma pessoa alegre, mas tem coisas que aborrecem a gente no dia a dia. O lance do mau humor é você dar um tempo pra ele, usufruir dele por meia hora e não deixar que ele tome o seu dia inteiro. E eu não sou mulher de remoer nada, não. Inclusive, qualquer pagode já muda o meu astral”.

Ela também falou sobre como faz para perder o peso: “Não é dieta, é reeducação alimentar. Você não conta caloria, você conta ordem de consumo. Fruta depois do treino, à noite pode comer proteína. O que Daniel (Cady, marido da cantora e nutricionista) tira é tudo que contenha farinha”.

Sobre a ditadura do corpo magro, ela explica: “O que não acho bom para mim é tentar me adequar a um padrão estético. Sou uma mulher grande e gosto do jeito que eu sou. Padronizar uma estética é escravizar um público que, por algum motivo, não tem condições de seguir aquela dieta restritiva”.

Sem mais artigos