Que Kanye West é muito talentoso, todo mundo tem certeza, na mesma proporção que ele tem um ego gigantesco. Para se defender, no tribunal, de um processo que é acusado de agredir o fotógrafo Daniel Ramos, em 2013, ele acabou ofendendo Britney Spears. As informações são do site TMZ desta quarta-feira (06).

Ele mandou um recado para o advogado do fotógrafo, Nate Goldberg, e acabou chamando ofendendo Britney.  “Eu sou a celebridade mais inteligente que você já lidou, p****. Eu não sou Britney Spears. Eu estou no lance de fazer alguma coisa para o mundo, você (o advogado) está no negócio de representar a escória e tentar ganhar dinheiro enquanto existir falhas na lei”, disse Kanye, que é acusado de agredir o fotógrafo e deslocar seu ombro.

Depois, ele ainda teve a capacidade de comparar a briga entre celebridades e paparazzi com a luta pelos direitos civis dos negros na década de 1960, liderada por Martin Luther King.

“Sim, eu igualo a discriminação, eu igualo às desigualdades. Nós celebridades, como um grupo de minoria aqui, em Los Angeles, temos que banir a influência de caras assim, caras que tentam tirar as fotos, caras que tentam faturar muito”.

Opa, celebridades, minoria em Los Angeles?

Sem mais artigos