No ano em que completa os 30 anos da morte de Elis Regina, a revista Billboard Brasil entrevistou a filha dela, Maria Rita, que seguiu os passos da cantora na carreira artística. Em conversa com a publicação, a artista falou sobre as lembranças de Pimentinha, apelido da mãe famosa.

“A única lembrança que tenho dela, que sei que é minha memória, e não uma imagem impressa em revista, jornal ou televisão, é a do velório. Me lembro de vê-la deitada, ‘dormindo’, linda. E eu muito confusa com aquele monte de gente me pegando no colo. Eu sabia que ela era alguém desde sempre”, declarou.

Durante a montagem do show em que canta as músicas da mãe, Maria Rita revelou à revista que teve uma crise emocional. “Num dia, uma dor de estômago tomou conta, eu tremia, suava frio. Cheguei a cogitar uma intoxicação alimentar. Suspendi o ensaio, e, quando cheguei em casa, tive uma crise de choro, no colo do meu marido. Choro de alívio e de toda a emoção que eu vinha substituindo pelo foco direcionado para a montagem do espetáculo”, explicou.

Sem mais artigos