Até essa quinta-feira, 22, todo mundo (inclusive nós) trabalhávamos com uma linha de raciocínio no caso Monique Evans: a apresentadora não teria assinado com o SBT para apresentar o novo programa de fofocas da emissora, o Cor de Rosa, por conta do baixo salário – R$ 15 mil.

Acontece que, hoje pela manhã, uma graaaaaaaaaande fonte nossa, que vive pra cima e pra baixo com a alta cúpula do SBT, nos contou que no fundo Monique não assinou com a emissora porque “o nome dela não é comercialmente viável para a TV”, ou seja, a beldade não encheria o famoso baú de Silvio Santos, entenderam?

Diante disso só nos restam mais duas pessoas que possivelmente serão os novos apresentadores do programa: Janaina Barbosa e Ronaldo Esper. Afinal, Cacá Rosset não tem nada a ver com o formato, sejamos sinceros, vai…

Será que Adriane Galisteu desistiu do SBT?

Silvio Santos trai o SBT assistindo Pânico na TV

SBT está a procura de Darlenes para Casa dos Artistas

Monique abre o jogo e conta tudo!

Para Boys and Girls

Sem mais artigos