Os vilões dos realities shows

Anunciada como vilã, Nicole Bahls diverte quem assiste ao reality show

Despedida do Pânico por brigar com a ex-colega, Juju Salimeni, a ex-panicat Nicole Bahls entrou no reality show A Fazenda 5, da TV Record, com fama de barraqueira. Na primeira semana, a morena fez jus a alcunha, promoveu conflitos, temeu ser perseguida e era vista como a grande vilã. Tanto que a torcida para que eliminassem a morena, rival da até então favorita Viviane Araújo, era grande.

Com o passar das semanas – e a curiosa permanência no jogo, vencendo as Provas do Fazendeiro, quando foi colocada na roça – os surtos de perseguição e rixas de Nicole caíram nas graças do público. A ex-panicat ficou engraçada. Com sotaque caipira e com um corpo grande e desenhado, Nicole começou a ser vista como peça importante do jogo, assim como as vilãs mais populares das novelas brasileiras e dos realities shows. 

“Sou você de saias”, disse a peoa a Theo Becker, vilão engraçadíssimo da primeira edição que, ao contrário dela, não teve a sorte de cair nas graças do público antes de ser eliminado, na terceira semana. Hoje, seus surtos – “esse é irmão desse” (referindo-se aos seus músculos) – são lembrados com alegria pelos telespectadores e Becker é um dos ex-participantes mais pedidos para retornar à atração. 

Sendo a segunda participante mais popular de A Fazenda – segundo enquete do UOL – a virada do jogo de Nicole deu-se por três fatores determinantes: tempo, bom humor e a participação insossa de outros peões. Foi com tempo que Monique Evans – a primeira eliminada de A Fazenda 3 – conseguiu mostrar o lado humano e ser vice-campeã da quarta edição, quando retornou por repescagem. 

Foi com humor que Alexandre Frota escapou de todas as eliminações da Casa dos Artistas, no SBT, em 2002. Quem não se lembra quando o bad boy levou a modelo Mari Alexandre aos prantos quando a chamou de “pata”? Ou quando criou o personagem Silvio Melon, com um melão? 

No programa, Nicole repete a façanha dos vilões que deram certo. Suas declarações, mesmo em meio a brigas, são hilárias. Já alfinetou sua arqui-inimiga Viviane Araújo dizendo que ela era mais rodada que “roda-gigante”, que a circunferência dos “braços” da dançarina era maior que “a das suas coxas”. Também já disse que seu namorado, o jogador Victor Ramos, errou o buraco durante o sexo. E, pasmem, soltou que a lhama de A Fazenda é muito parecida com a apresentadora… Luciana Gimenez!  

A ex-panicat cresceu, pois gera bafafá e comentários todos os dias, enquanto os demais peões mantém uma participação medíocre. Gretchen, por exemplo, o furacão rebolativo da mídia, não fez nada além de… Fofocar e fazer birra. Esse crescimento assemelha-se ao do lutador Marcelo Dourado – vilão da quarta edição do Big Brother Brasil 4 – que ganhou “tempo” e acabou mostrando carisma na décima edição do programa. Caso Nicole seja isolada em alguma de suas brigas, assim como Dourado foi, ela tem chances de tornar-se uma das grandes favoritas ao prêmio.  

Até agora, a participante não mudou nada em relação ao início do reality e a convivência ao seu lado certamente não é nada fácil. Também não se sabe se ela tem reais chances de vencer, mas a espontaneidade de suas palavras faz dela uma das participantes mais fascinantes do programa. Afinal, com a exceção de Dourado, a maioria dos vilões até chegam à final, mas, assim como uma boa novela, geralmente não vencem o jogo.

Relembre os maiores vilões dos realities shows na galeria acima

Nicole Bahls supera fama de vilã e suas loucuras caem nas graças do público de "A Fazenda 5"

Sem mais artigos