Em Amor à Vida, Carlito, vivido por Anderson Di Rizzi, vive
correndo atrás de Valdirene (papel de Tatá Werneck), que só quer saber de dar o
golpe da barriga em algum homem famoso e rico. Fora da telinha, o ator revelou que já
teve um relacionamento parecido, em entrevista para o site da trama da TV
Globo, publicada nesta segunda-feira (03).

“Mentia demais, deu o maior trabalho. Tinha uma
personalidade e um jeito muito diferente do meu. Quando percebi isso, já estava
muito envolvido. Sofri demais”, revelou Anderson.

Ele ainda comentou seu personagem: “O Carlito é um cara que
está terminando um curso de DJ. É boa gente, não pesa as coisas, vê a vida de
um ângulo diferente, apesar de as pessoas olharem e pensarem: ‘Tadinho, não vai
longe’. Mas ele vai, e muito longe. Estou levando a maior fé”.

Com esse trabalho, o ator pode colocar em prática algo que
pensava em realizar: “Sempre quis fazer um curso de DJ e sempre adiei esse
plano. Agora surgiu essa oportunidade no trabalho, estou adorando. Curto todo o
tipo de música: eletrônica, house, sertanejo”.

No papel de Carlito, Anderson Di Rizzi revela que já teve uma Valdirene em sua vida

Sem mais artigos