Em cartaz com a peça Calígula na cidade de São Paulo, o ator Thiago Lacerda concedeu entrevista ao jornal O Estado de São Paulo e confessou que sente muito incomodado com os paparazzi. “É muito cafona essa gente toda [os paparazzi] que faz disso um ofício. Mas eu não tenho nada contra a imprensa marrom, a imprensa de fofoca, até porque seria inútil. É algo estabelecido. Não dá para sair por aí esbravejando e dando porrada em fotógrafo. É tão cafona quanto”, afirmou.

Galã da Globo, o bonitão também falou sobre outro tipo de assédio, o feminino. “Em algum momento, você precisa fazer escolhas. Decidi ter uma família, encontrei uma mulher deslumbrante e resolvi não deixá-la ir embora. A gente está casado há dez anos. Em relação ao assédio, é natural que você projete na cabeça das pessoas fantasias, esse é o meu trabalho. O importante é você não alimentar a loucura alheia”, explicou.

Sem mais artigos