Pedro Bial apresentou, na noite desta quinta-feira (12), no Na Moral da TV Globo, um debate sobre privacidade sem tocar no assunto reality show ou Big Brother Brasil, um dos fenômenos na TV que mais invadem a vida privada, e que é apresentado pelo mesmo. Apesar deste “esquecimento”, ele trouxe o ator Pedro Cardoso para debater o tema ao lado do paparazzo Felipe Panfili.

O ator, que vive o personagem Agostinho na série A Grande Família, não gosta de ter sua vida pessoal exposta. “A vida do artista é não é o que vendem, a nossa vida é banal e simples como a de todo mundo”, declarou o ator.

Já o fotógrafo garantiu que ele é um dos poucos atores que não gostam de ser fotografados em locais públicos, já que muitos combinam com os profissionais a hora e o local para garantir os cliques de suas câmeras e poderem estampar sites e revistas de celebridades.

Ao ouvir as críticas do ator e também do apresentador, Felipe ainda garantiu: “O maior comprador dessas fotos é a Globo!”.

Logo que o programa foi exibido, o assunto esteve entre os mais comentados no Twitter. Veja o que famosos falaram a respeito:

Sandy: “Pedro Cardoso está falando TUDO no programa do Bial! Caramba! Arrasou!”.

Fernanda Souza: “Uma salva de palmas pro Pedro Cardoso! ‘Isso é tudo business. É tudo mentira.’(risos) Aceitar a situação é uma coisa, gostar é outra bem diferente!”.

Paula Braun: “Desculpa paparazzo, isso não é jornalismo, quem escolhe ser ator tem direito a privacidade sim, e maternidade particular não é lugar público. Paparazzi deveria trabalhar em Brasília. De político a gente deveria saber dos passos, o que compram, quanto ganham… Deveria ser direito! A gente não pode subestimar o público. As pessoas consomem o que lhes é dado para consumir”.

Ingrid Guimarães: “Minha única questão com os paparazzi é em relação a minha filha. Eu sou adulta e sei onde eles andam. Não acho graça fotografar criança”.

Pedro Cardoso e paparazzo debatem sobre privacidade no "Na Moral" e famosos comentam no Twitter

Sem mais artigos