O Príncipe Albert, de Mõnaco, deve reconhecer na quinta feira, dia 7 de julho, a patenidade do filho que teve com a ex-aeromoça Nicole Coste, do Togo.

A informação é do L’Express, jornal francês, que explica também…O príncipe temconvicções éticas que o levam às responsabilidades, e a reconhecer o menino como sendo seu filho.

Assim, Alexandre Eric Stéphane, nascido em Paris em 24 de agosto de 2003, ganhe o sobrenome real Grimaldi. Mas isso não acarreta em herança ou sucessão ao trono, já que o herdeiro ral deve ser ‘descendente direto e legítimo’, vir de um casamento civil e católico, segundo as leis do pequeno Principado francês.

O menino já foi submetido ao teste de paternidade (DNA) em um laboratório suísso, que confirmou a legitimidade de Albert como pai da criança.

No entanto, a notícia só será anunciada após terminar o período de luto oficial de três meses, decretado pora causa do falecimento do Príncipe Rainier III, em 5 de abril.

Em algum momento, a realeza deve ter ficado de cabelo em pé com a notícia…até que o susto passasse!!

Príncipe Albert, de Mônaco, já tem um 'herdeiro'!

Sem mais artigos