A repórter Beanka Carvalho, de uma filiada da TV Globo em Pernambuco, discutiu com um entrevistado que decidiu minimizar a pandemia de coronavírus e questionar o número de mortes provocado pela doença.

“A discussão é se a pandemia e o isolamento social foram medidas corretas. Não tem base científica, se o problema é científico…”, disse o entrevistado que defendia a volta às aulas das crianças. Em seguida, a repórter tomou a palavra e questionou: “Na verdade, a história do isolamento tem sim comprovação científica. A OMS, no mundo inteiro, defendeu o isolamento. Inclusive muitos países que não fizeram o isolamento social no começo, voltaram atrás”.

O entrevistado continuou com o discurso, descredibilizou a OMS e disse que o número de 100 mil mortes no Brasil não era verdadeiro. Bianka novamente falou: “O mundo inteiro está dizendo. Não tem 100 mil mortes inventadas. Tem milhões de pessoas doentes no mundo todo. O que não dá é pra ir chutando baseado em qualquer outra coisa. A gente se baseia no que é científico. Mas damos a todo mundo o direito de falar”.

ASSISTA ABAIXO:

Sem mais artigos