Ricardo Tozzi está na revista Poder deste mês de dezembro e posou em clima de homem de negócios. Formado em administração de empresas, ele abandonou o emprego na Câmara Americana de Comércio Brasil-Estados Unidos para seguir na carreira de ator.

“Uma coisa que aprendi com a vida: faço aquilo que me emociona. Larguei a carreira de executivo porque não poderia ignorar a força que isso tinha”, disse o bonitão para a publicação.

Seu último papel na TV foi em Insensato Coração, em que viveu o inocente Douglas e caiu nas graças do público. Tozzi conta que não tem medo de ser marcado por esse personagem: “Não estou nem aí. Foi um momento tão feliz da minha vida que gostaria de ser lembrado para sempre. Não tenho medo do rótulo, porque o meu tesão não é ser famoso, mas compor personagens”.

Na vida pessoal, aos 36 anos e solteiro, o moreno não tem medo de ficar sozinho: “Acho que vai chegar o momento em que vou sossegar e estar mais aberto a compartilhar minha vida com alguém. Se encontrar a mulher que espero que encontre, caso e tenho filhos. Se isso não acontecer, está tudo ótimo também”.



Ricardo Tozzi: "O meu tesão não é ser famoso, mas compor personagens"

Sem mais artigos