Carol Rainato ganhou destaque na novela Amor à Vida, da TV Globo, com sua personagem Raquel. Na trama, a enfermeira, que já teve um affair com o médico Michel (Caio Castro) e Laerte (Pierre Baitelli), agora caiu nas graças de Carlito (Anderson Di Rizzi), que parece ter cansado de sua Delícia, a Valdirene (Tatá Werneck).

Em entrevista para o site oficial da trama, desta sexta-feira (20), a atriz declarou estar muito feliz com a virada de sua personagem: “Pode parecer clichê, mas esse envolvimento com Carlito foi realmente um presente”.

Apesar da rivalidade entre Raquel e Valdirene na trama, na disputa por Carlito, Carol tem se divertido ao gravar cenas de briga com Tatá: “A cada hora, ela faz um improviso diferente, uma frase diferente, e ela fala umas coisas que fica difícil não rir. Eu me pegava prestando atenção no que ela estava fazendo, no improviso dela. É difícil, mas muito bacana. Ela é muito rápida, incrível. Foi muito divertida a gravação, tomara que muitas venham por aí”.

Apesar da boa forma exibida na TV, ela diz que é comilona: “Adoro comer besteira, impressionante. O Anderson me zoa porque toda vez que a gente vai gravar eu tenho uma tranqueira. Olha a minha bolsa, está cheia de comida. O Anderson fala que eu como muito e que ele nunca viu isso aqui dentro”.

Rival de Valdirene em Amor à Vida, atriz comenta cenas com Tatá Werneck: 'Fica difícil não rir'

Sem mais artigos