Rodrigo Andrade, de 27 anos, está no ar na novela global Insensato Coração e vem ganhando destaque com o seu personagem Eduardo, que se envolve com o seu professor da academia, Hugo (Marcos Damigo).

Em entrevista para o site da revista Contigo!, o ator contou que, há 15 anos,  teve um primo gay morto, gratuitamente, por um homofóbico que atirou em suas costas no meio da rua.

“Em minha opinião, grande parte dos homofóbicos são ‘enrustidos’. Lógico que não vou generalizar. Isso não sou só eu que estou dizendo. Foi comprovado cientificamente. Uma universidade dos Estados Unidos fez uma pesquisa e colocou 30 homofóbicos e 30 pessoas indiferentes à sexualidade alheia. Os dois grupos assistiram a um filme pornô e os homofóbicos se excitaram mais ao ver cenas entre dois homens fazendo sexo”, declarou Rodrigo.

Rodrigo Andrade: "Grande parte dos homofóbicos são gays 'enrustidos'"

Sem mais artigos