Rodrigo Simas está se preparando para estrear em Malhação, que terá nova temporada a partir desta segunda-feira (13), na TV Globo. Na trama teen, ele viverá o garoto responsável Bruno, personagem bem diferente de seu último na telinha, o Leandro que deu o que falar em Fina Estampa (2011). Mas ele não é o único da família a estrelar em novelas da emissora, o irmão Bruno Gissoni atualmente vive o jogador de futebol Iran em Avenida Brasil.

Em entrevista exclusiva ao Virgula Famosos, Rodrigo contou que eles já se ajudaram muito durante as preparações para as gravações: “No início, era até mais, de passar a cena e tudo mais. Hoje em dia, é difícil, porque nossos horários não batem muito, nossa vida de ator não tem muito uma rotina. Às vezes, a gente se encontra em casa, mas durante a semana é difícil”. Mesmo assim, ele não deixa de prestigiar o trabalho do irmão: “Normalmente, quando não consigo assistir a novela, tento assistir pela internet, no site da Globo”.

Tido como um dos galãs desta nova geração de atores, o garoto contou como lida com isso: “Eu acho muito bom, na verdade não quero ficar marcado com a imagem só de galã. É fácil estar nessa posição pelo nosso aspecto físico, pela nossa beleza, mas é muito difícil continuar nesse posto sendo bom no que a gente faz. Por isso, acho que a gente tem que estudar muito, a cada dia é um aprendizado novo para a gente estar bem no que faz”.

 

Ele ainda apontou Cauã Reymond como referência de galã que não fica apenas escravo de sua beleza e desempenha um bom trabalho como ator: “Ele começou bem cru em Malhação e a cada ano que passa a gente vê uma evolução muito boa. Em Avenida Brasil, ele estudou muito e está mandando muito bem”.

Neste domingo (12), Rodrigo disputa mais uma etapa na competição do programa Domingão do Faustão, Dança dos Famosos. Desde que começou a aprender a dançar com a professora Raquel Guarini, surgiram alguns boatos de que estaria rolando um clima entre eles, mais forte do que apenas uma relação professor-aluno.

“A gente nunca forçou nada, nem tentar fazer um casal ou forçar um clima. Desde o início, a gente pegou uma intimidade muito legal e útil na dança. A gente é o último casal que dá pra falar alguma coisa, por ser solteiro e mais novo. Então, esse clima de intimidade que a gente pegou já gerou esses comentários. Mas, na verdade, essa química que a gente tem é só na dança, nada é forçado, mas está ajudando muito”, explicou o ator.

Ele ainda contou como está o ritmo dos ensaios: “Esta semana estamos ensaiando a salsa. Cada vez é um desafio novo e está mais difícil. Dessa vez, o negócio está pesado, porque salsa é um ritmo que eu nunca dancei. Em comparação ao forró, o funk, que estão mais perto do nosso dia a dia, a salsa é mais distante. Eu estou ralando dobrado para pegar o molejo da salsa, mas acho que vai dar tudo certo”.

Veja Rodrigo Simas na galeria acima!

Sem mais artigos