O comediante Russell Brand já contou que foi viciado em drogas, álcool e mulheres no passado, mas o que ninguém com certeza ainda não sabia era que o marido da cantora Katy Perry tinha outra obsessão: animais mortos.

O autor do livro Everyone Loves You When You Are Dead (Todo Mundo Te Procura Quando Você Está Morto) Neil Strauss, revelou detalhes de sua entrevista com o artista ao site RadarOnline. “Eu tinha uma fixação por animais mortos e a morte”, admitiu Russell na época da entrevista para o autor.

“Eu sentia como se as pessoas estivessem hipnotizadas e eu precisava acordá-las. Tinha um monte de ratos e pintinhos mortos. Eu esmagava alguns e jogava na plateia”, explicou Brand na ocasião.

Neil afirmou que Russell estava sob efeito de drogas quando esmagava animais mortos em seus shows. “Ele achava que isso era arte e era importante para ele – isso era ele tentando ser um rockstar”, analisou Strauss.

“Russell é muito charmoso, carismático e esperto. Mas eu estou certo que ele teria sido ofensivo se tivesse feito essa entrevista durante seu período de drogas”, completou o autor.

Sem mais artigos