Sabrina Sato, de 31 anos, é a nova solteira do pedaço. Em entrevista para a revista Glamour, que chega às bancas na sexta-feira (27), ela comentou alguns motivos que levaram ao fim do namorado com o deputado federal Fábio Farias, com quem ficou por três anos.

“Não foi por falta de amor. Mas tive coragem de dar um fim em algo que já não ia
bem. Hoje, eu simplesmente não tenho como me adaptar à agenda dele. Há pouco tempo, por exemplo, o Fábio foi a Las Vegas ver a luta do Anderson Silva. Queria que eu fosse junto. Mas era impossível! Aí a pessoa fica de bico, reclama, acha que é falta de interesse da minha parte. Mas, poxa, não trabalho só para mim. Você tem noção do número de pessoas que dependem do meu trabalho, que eu emprego diretamente? Ele foi imaturo”, desabafou a apresentadora do programa Pânico na Band.

Questionada se havia chances de voltar com o ex, ela disse: “Não tem. O Fábio precisa de uma mulher que não trabalhe, entendeu? Se ao menos morássemos na mesma cidade. Natal não é aqui ao lado. Me perguntei até quando conseguiríamos”.

Apesar de gostar de ser famosa, Sabrina falou sobre a falta de liberdade para fazer algumas coisas em tom bem humorado: “Tem momentos que você quer privacidade. Tipo, agora, solteira, quero sair para beijar e não posso… Brincadeira!”.

Sem mais artigos