Capa da edição de outubro da Vogue América, Sandra Bullock contou sobre as filmagens de Gravidade, de Alfonso Cuáron, que divide a telona com George Clooney, e sobre o divórcio – depois de flagrada a traição do marido – com Jesse James.

Ela sempre sonhou em trabalhar com o diretor Cuáron e acabou acontecendo na aventura espacial em 3-D Gravidade: “Fiquei petrificado de ter que voar “, disse Bullock . “Despencar do céu não era a minha ideia de como eu queria trabalhar com Alfonso Cuarón. Mas em um determinado momento, eu sentei e disse: ‘Esse filme está me dizendo para tirar a minha bunda da cadeira e deixar longe qualquer coisa que tenha me paralisado?’”

Solteira há quatro anos, ela disse que está muito bem depois do divórcio conturbado com Jesse James. “Estamos todos onde deveríamos estar. Estou exatamente do jeito que gostaria de estar. Não dá para voltar atrás. Agradeço por estar aqui e me sinto abençoada por ter o que tenho. Ninguém pode estar preparada para o que pode acontecer”, refletiu.

E contou que tem vontade de ter mais filhos, além do menino de três anos adotado por ela, Louis. “Se alguém disser que eu terei 5 filhos estarei muito bem com isso. Estou me divertindo muito”.

Sem mais artigos