Se ela já estava pobre, agora vai ficar mais ainda. Sthefany Brito perdeu a gratuidade no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e terá que desembolsar R$ 2 mil para o advogado de Alexandre Pato, João Paulo Lins e Silva, de acordo com o jornal O Dia, desta terça-feira (23). 

A atriz havia se declarado pobre e feito um pedido à justiça para não ter que pagar os custos da separação. Na quarta-feira (17), Sthefany perdeu por unanimidade (3 a 0) o recurso que movia para ganhar pensão no valor de R$ 130 mil mensais.


Sem mais artigos