Tatá Werneck já sabe que vai ser difícil se despedir de sua personagem Valdirene, da novela Amor à Vida. Em entrevista para o jornal O Globo, publicada neste domingo (22), ela comentou a repercussão que esse trabalho teve e quais foram os bons frutos que trouxe.

“Vou ter uma minidepressão, passar por um período de luto. Por ter sido minha primeira personagem numa novela e da maneira que foi: incrível!”, brincou a atriz, que ainda acrescentou: “Talvez eu só vá entender a repercussão da novela depois que ela acabar”.

Ela assinou recentemente um contrato de três anos com a TV Globo e já tem uma lista de trabalhos para 2014. Tatá voltará ao cinema com o longa Loucas Para Casar e ainda analisa outros seis convites. Já na TV, ela prepara dois programas para o Multishow e tem mais propostas da Globo, podendo ganhar seu próprio programa.

Com a agenda sempre cheia, o namoro de oito anos da atriz com o engenheiro Felipe Gutnick passou por um momento de crise. No entanto, agora em melhor fase, a vontade da atriz de construir sua família está aumentando.

“Eu tenho 30 anos. Já estou quase roubando criança na rua de tanta vontade que tenho de ser mãe”, brinca Tatá.

Tatá Werneck diz: 'Estou quase roubando criança na rua de vontade de ser mãe'

Sem mais artigos