“Tenho medo de ter um piripaque. Não quero ser como a (trabalhadora compulsiva) Alice (do filme De Pernas pro Ar 2)”, afirmou a atriz Ingrid Guimarães à revista Simplesmente de abril.

“Tive um dia de folga e fiquei até confusa, sem saber por onde começar. Respondo e-mails? Escrevo um texto? Decidi ir a um SPA”, continuou ela que está em cartaz com a peça Razões para ser Bonita, que comanda o programa da GNT Mulheres Possíveis e ainda fará a novela Sangue Bom, da Rede Globo.

“Tento não deixar (a pressão) chegar a um nível de estresse total porque acredito que isso dá em algum lugar: ou uma doença, ou depressão ou síndrome do pânico. Cada vez mais pessoas do meu lado, saudáveis da cabeça, caem nisso. Penso muito em como desacelerar”, contou a humorista que costuma ir com a família para a sua casa em Búzios.

Com tanto trabalho, a piada não tem espaço atrás das câmeras: “Eu trabalho em várias frentes e preciso ser séria no dia a dia. Para administrar TV a cabo, novela, peça, entrevistas, divulgação, não tem como ficar o dia inteiro fazendo rir. Pelo contrário, preciso ser severa. Vejo a vida de uma forma bem-humorada, mas eu sou uma empresária. Administro muita coisa, além de cuidar da casa, férias de filho, escrever textos. Para fazer humor, tenho que ser muito séria”, disse Ingrid.

Sem mais artigos