A Apple perdeu oficialmente nesta segunda-feira (4) o direito do nome iPhone para a marca Gradiente no Brasil.

A IGB Eletrônica, da Gradiente, obteve o direito exclusivo sobre telefones com esse nome em janeiro de 2008, tendo entrado com o pedido no ano de 2000, sete anos antes de existir o iPhone da Apple.

O INP (Instituto Nacional de Propriedade Industrial) deve publicar ainda a rejeição a pedidos da Apple para o uso do nome em celulares ou em produtos próximos à telefonia móvel.

A Apple não se pronunciou até o momento sobre o assunto. Mas enquanto isso, a Gradiente já divulgou um vídeo, onde explica o uso do nome.

Assista abaixo:

Sem mais artigos