Após o alemão Sebastian Vettel assumir a responsabilidade por ter atingido o carro do britânico Jenson Button neste domingo, no GP da Bélgica de Fórmula 1, Rubens Barrichello pediu desculpas a Fernando Alonso por comprometer a corrida do espanhol.

O brasileiro perdeu o controle de sua Williams logo no começo da prova e acertou a Ferrari de Alonso que, embora tenha continuado na corrida, ficou longe da disputa pelas primeiras posições.

“Estava tentando fechar a porta sobre o (alemão Nico) Rosberg quando acionei os freios, mas não foi o suficiente para parar. O carro foi direto na direção de Alonso, a quem peço desculpas”, afirmou Barrichello, que disputou hoje seu GP de número 300.

“Apesar da minha experiência, era muito difícil saber o quão úmida estava a pista na primeira volta”, justificou, alegando que a chuva contribuiu para o acidente.

Sem mais artigos