Além de Paul Ricard e Magny-Cours a Fórmula 1 já correu no território francês nos circuitos de Reims, Rouen-Les-Essarts, Charade, Le Mans e Dijon, entre 1950 e 2008. O maior vencedor é Michael Schumacher, que venceu oito vezes no país, em 1994, 1995, 1997, 1998, 2001, 2002, 2004 e 2006.

O chefão da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, confirmou neste domingo que a França voltará a contar com um Grande Prêmio já em 2013, em entrevista concedida a edição digital do jornal esportivo francês ‘L’Équipe’.

“O assunto está concluído. Efetivamente, nos pusemos de acordo sobre os termos financeiros com o ministro de Esportes, David Douillet, na terça-feira passada em meu escritório”, declarou o dirigente.

O dono do campeonato não divulgou maiores detalhes sobre o retorno do país europeu à Fórmula 1. Contudo, o jornal acrescentou que o GP será disputado no circuito de Paul Ricard, que recebeu uma prova da categoria pela última vez em 1990.

Sobre a prova, Ecclestone afirmou que o contrato definitivo ainda vai ser assinado, por faltarem alguns pontos para que a negociação seja concluída.

A Fórmula 1 não passa pela França desde 2008, quando Felipe Massa venceu com a Ferrari no circuito de Magny-Cours.

 

Sem mais artigos