Com a alta do dólar devido à crise mundial, somado as taxas tributárias, o Brasil oferece o segundo maior preço do mundo para o iPod Nano. O primeiro colocado da lista, segundo pesquisa feita pelo banco austráliano CommSec, é a Argentina.

Este ranking é divulgado anualmente pelo banco da Austrália. Desde que foi lançado, o Brasil é o país que cobra um valor altíssimo pelo MP3 Player da Apple. Várias medalhas de ouro foram dadas ao Brasil do longo dos anos. Porém, com a crise mundial e valorização do dólar, os “los hermanos” passaram a ocupar o lugar mais alto do pódio.

A pesquisa é feita no intuito de avaliar o poder de compra das moedas em cada um dos países. Para que tal ranking seja feito, o CommSec pega um produto comercializado na maioria das países e faz o levantamento.

E engan-se quem pensou que o lugar mais barato do mundo para se comprar um iPod Nano seja os EUA. Segundo a pesquisa, o país que mais vale a pena comprar o pequeno notável da Apple é a Austrália.

Sem mais artigos