O ex-piloto holandês de Fórmula 1 Jos Verstappen foi acusado de tentativa de homicídio pela Promotoria de Roermond (sul da Holanda) após ter supostamente atropelado sua ex-namorada, de 24 anos.

A vítima conseguiu esquivar-se do veículo, mas sofreu contusões e arranhões. Após o incidente, a Polícia se apresentou no local, mas não conseguiu deter o suspeito.

Verstappen, que permanece preso desde a quarta-feira passada, foi denunciado pela jovem, e teve sua detenção prolongada por duas semanas antes de conhecer a acusação da Promotoria, informou a agência de notícias Belga.

O holandês, que entre outras equipes pilotou a Arrows, onde foi companheiro do espanhol Pedro de La Rosa, já teve outros problemas com a justiça. Em 2009, um tribunal belga condenou Verstappen a três anos de prisão pelas repetidas ameaças que fazia a sua ex-mulher.

Sem mais artigos