O chefe da Fórmula 1, o britânico Bernie Ecclestone, se disse nesta segunda-feira (02) desapontado com o desempenho do espanhol Fernando Alonso na temporada 2013 e insinuou que o rendimento abaixo do esperado poderia ter relação à busca do piloto por uma nova escuderia.

“Fiquei um pouco decepcionado com Alonso, de quem sou um grande fã, assim como da Ferrari. Mas, nesta temporada, ele não deu seu máximo, uma prova de que estava procurando outra equipe”, comentou Ecclestone na apresentação do resumo da temporada para a página oficial da Fórmula 1.

“Eu não sei se a equipe não vem sendo competitiva por causa dele ou porque as pessoas que estão lá não vêm fazendo um bom trabalho”, acrescentou.

Nesta temporada, Alonso foi vice-campeão mundial pela terceira vez na carreira, com 242 pontos, 155 a menos que o alemão Sebastian Vettel, que ficou com o título pela terceira vez na carreira. Sobre o piloto da Red Bull, Ecclestone resumiu: “Provavelmente é o número um dos pilotos que conheci”.

Sem mais artigos