O espanhol Jorge Lorenzo (Yamaha Factory), bem que tentou. Venceu neste domingo (10) o Grande Prêmio da Comunidade Valenciana de MotoGP, mas seu compatriota, Marc Márquez (Repsol Honda), completou a prova em terceiro lugar e se tornou o campeão mais jovem da história da categoria.

Ao longo de toda a temporada, o piloto da Honda foi construindo uma trajetória surpreendente para um novato na categoria. Márquez encerrou sua participação no campeonato de motovelocidade com 334 pontos, apenas quatro à frente de Lorenzo. Foram seis vitórias e 16 pódios logo em seu primeiro ano de estreia na nova modalidade.

Dono de títulos tanto na categoria Moto3 quanto na Moto2, o “menino prodígio”, como Márquez é chamado, não se esqueceu de lembrar do apoio fundamental de sua equipe e também da torcida: “Estou muito feliz, é muito difícil de explicar. Minha equipe me ajudou muito, a torcida também. Tenho de desfrutar o momento, que é o mais importante. Fico muito feliz por realizar um sonho e conquistar o título logo na primeira temporada”, disse o novo campeão.

Na corrida, Dani Pedrosa, que teve participação relevante na prova em Valência, terminou em segundo lugar. Valentino Rossi, da Yamaha, foi o quarto, à frente de Alvaro Bautista, em quinto lugar.

Sem mais artigos