(crédito: Reprodução)

(crédito: Reprodução)

A culpa é sempre do estagiário, mas nesse caso, isso é muito bom. Graças ao estagiário da Microsoft, Wes Cherry, o jogo Paciência foi criado para o Windows em 1989. A pior parte? Ele nunca recebeu nada em dinheiro por isso.

Toda a história surgiu nos fóruns do Reddit e eventualmente Cherry ficou sabendo que seu nome estava sendo citado nas conversas e entrou no bate-papo. “O código não é nada demais.A única coisa interessante são as otimizações que fiz ao arrastar as cartas para o movimento parecer mais suave”, escreveu ele, que explicou a dificuldade de fazer algo do tipo na época com resoluções tão baixas e processadores tão fracos.

Cherry fazia parte de uma empresa dentro da Microsoft, a Bogus software, e disponibilizou a rede interna para as pessoas jogarem. Um dos diretores viu o jogo e fez com que ele fosse incluído no Windows 3.0. Cherry não recebeu um centavo por isso.

“Eu estava bem com isso na época e estou bem até hoje”, disse ele sobre não ter recebido dinheiro pela programação. Hoje ele trabalha com uma fábrica de bebidas alcoólicas, a Dragon’s Head Cider.

Sem mais artigos