O astrônomo Carl Sagan

Divulgação O astrônomo Carl Sagan

O astrônomo e astrofísico Carl Sagan, morto em 1996, completaria 82 anos nesta quarta-feira. Não é exagero dizer que Sagan é um dos maiores responsáveis pela divulgação científica no mundo nos últimos anos. Graças ao seu carisma e aos meios audiovisuais, o astrônomo conquistou muitos fãs por causa da série Cosmos, de 1980, transmitida no Brasil pela Rede Globo e posteriormente pela TV Escola. No programa, Sagan, com seu grande talento para a comunicação, mostrava que informação científica era algo que poderia estar ao alcance de todos.

A série deu origem a Cosmos: Uma Odisseia do Espaço-Tempo (disponível no Netflix), feita em 2014, e apresentada pelo físico Neil deGrasse Tyson, uma espécie de continuação da Cosmos original. Ann Druyan, viúva de Sagan, e o animador Seth MacFarlane (diretor do filme Ted) são os produtores executivos da nova série.

No entanto, o seu trabalho foi muito além da apresentação da aclamada série. Veja em nossa galeria alguns motivos que tornam Sagan um dos astrônomos mais importantes da história:

Sem mais artigos