O piloto alemão Sebastian Vettel, da Red Bull, aumentou ainda mais sua vantagem sobre o espanhol Fernando Alonso na liderança do Mundial de Fórmula 1 ao vencer neste domingo o Grande Prêmio da Itália de Fórmula 1, no circuito de Monza, e está cada vez mais próximo de se tornar o tetracampeão mais jovem da história da categoria.

Alonso, que havia largado em quinto, chegou em segundo, seguido por Mark Webber, companheiro de equipe de Vettel. Já Felipe Massa foi o quarto, em uma prova na qual fez uma bela largada, saltando da quarta para a segunda posição, mas depois abriu para o espanhol, também da Ferrari, ultrapassá-lo, e mais tarde perdeu a posição para o australiano da Red Bull nos boxes.

O alemão Nico Hülkenberg (Sauber) chegou em quinto, e Nico Rosberg (Mercedes) em sexto, seguido pelo australiano Daniel Ricciardo (Toro Rosso), o francês Romain Grosjean (Lotus) e os ingleses Lewis Hamilton (Mercedes) e Jenson Button (McLaren).

Vettel obteve sua sexta vitória do ano e chegou a 222 pontos na classificação geral do Mundial de pilotos, 53 a mais do que Alonso (169). Lewis Hamilton, da Mercedes, que hoje fez corrida de recuperação, está em terceiro no campeonato, com 141, e Kimi Raikkonen, da Lotus, que também largou mal e não conseguiu recuperar o prejuízo, chegando em 11º, ocupa a quarta colocação geral, com 130. Massa, por sua vez, permanece em sétimo, com 79.

O próximo Grande Prêmio, o 13º de 2013, é o que abre a temporada asiática e será disputado no dia 22 de setembro no traçado de Marina Bay, em Cingapura.

Sem mais artigos