Uma tartaruga teve sua fuga interrompida após escapar há quase dois anos da casa de seus donos. Lottie foi encontrada a uma distância de quase 2,5 km de seu lar.

O réptil, que foi dado a Maddie Tibble como presente de aniversário de nove anos, fugiu pelo quintal dois dias depois de ter sido acolhida pela família. Na época, Maddie ficou profundamente chateada, mas aceitou que a “natureza é sabia” e que talvez jamais fosse encontrar a pequena criatura.

Mas, surpreendentemente, Lottie foi vista caminhando lentamente por uma rua 22 meses após seu desaparecimento. Nesse período todo, a tartaruga foi capaz de caminhar exatos 2,4 mil metros e sobreviver a um dos invernos mais severos dos últimos tempos.

O animal foi entregue para os veterinários locais em Grays, Essex, na Inglaterra. Posteriormente, através de um chip de identificação, a família de Maddie foi avisada de que o réptil tinha sido encontrado.

“Não acreditei que fosse ela”, disse Maddie, segundo o Daily Mail. “Estou contente por ela voltar para casa”, explica a garota, que em breve vai completar 11 anos.

Sem mais artigos