Os árbitros de futebol são mais rigorosos com jogadores mais altos em disputas de bola e tendem a ser condescendentes com os de menor estatura, segundo estudo feito na Universidade de Roterdã (Holanda) e divulgado nesta quinta-feira pela revista alemã “Geo”.

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores Niels van Quaquebeke e Steffen Giessner analisaram um total de 123.844 faltas cometidas na Campeonato Alemão, na Liga dos Campeões e na Copa do Mundo.

Ambos destacaram que, em caso de dúvida sobre a culpabilidade em uma falta, os árbitros prejudicam quase sempre o jogador de maior tamanho e beneficiam os menores.

“De acordo com a teoria evolutiva, aos homens maiores é atribuída maior capacidade de agressão”, disseram os pesquisadores holandeses em seu estudo, que explica por que os jogadores de menor porte físico costumam ser beneficiados pelos árbitros.

Árbitros de futebol são mais rigorosos com jogadores mais altos, diz estudo

Sem mais artigos