O Arsenal não pôde contar com seu capitão e principal jogador, o espanhol Cesc Fábregas, mas teve um excelente desempenho coletivo e um dia inspirado de seu atacante Nicklas Bendtner para golear hoje o Porto por 5 a 0, garantindo vaga nas quartas-de-final da Liga dos Campeões.

 

No primeiro tempo, o Bendtner deixou os Gunners em vantagem ao anotar dois gols – o primeiro aos dez, e o segundo aos 25 minutos.

 

Em bela jogada individual, o francês Samir Nasri ampliou aos 18 da etapa final. Apenas três minutos depois, o marfinense Emmanuel Eboué, que deverá enfrentar o Brasil com sua seleção na Copa do Mundo, marcou o quarto do time inglês.

 

No fim, Bendtner, de pênalti, fez seu terceiro no jogo e fechou o placar. No jogo de ida, em Portugal, os donos da casa venceram por 2 a 1, e precisavam de pelo menos um empate para garantir a vaga, mas nesta terça-feira não conseguiram segurar a pressão do Arsenal.

Sem mais artigos