Por muito pouco o Arsenal não se
despediu precocemente da Copa da Inglaterra no confronto de hoje
contra o West Ham, que vencia por 1 a 0 até os 33 minutos do segundo
tempo, quando os Gunners começaram a reação que levou a equipe a se
classificar para a quarta fase da competição.

Foi naquele momento do duelo que o galês Aaron Ramsey recebeu bom
passe de Samir Nasri, ficou de frente para o gol e empatou a
partida. Apenas cinco minutos depois, o brasileiro-croata Eduardo da
Silva marcou de cabeça, e virou o placar, que havia sido aberto pelo
italiano Alessandro Diamanti aos 45 minutos da etapa inicial.

O técnico francês Arsene Wenger escalou o Arsenal com um time
misto, sem sua principal estrela, o meia espanhol Cesc Fábregas.

Outro time de Londres que avançou na competição foi o Chelsea,
embora com muito menos trabalho. Os Blues golearam o Watford, da
segunda divisão, por 5 a 0.

Os três primeiros gols foram marcados antes dos 22 minutos do
primeiro tempo, por Sturridge, Eustace (contra) e Malouda. Depois do
intervalo, Lampard fez o quarto do time comandado pelo italiano
Carlo Ancelotti, e Sturridge, novamente, encerrou a conta.

Já o Leeds United, um dos clubes mais tradicionais do futebol
inglês, mas que agora está apenas na terceira divisão local,
conseguiu neste domingo um resultado surpreendente em sua atual
condição, ao eliminar o Manchester United do torneio em pleno
estádio Old Trafford.

Com um gol de James Beckford aos 19 minutos do primeiro tempo, os
visitantes levaram a melhor no confronto por 1 a 0. Após a abertura
do placar, os Red Devils, que contaram com vários titulares,
pressionaram, mas não conseguiram reverter o resultado.

O técnico Alex Ferguson pôs em campo desde o apito inicial nomes
importantes como Wayne Rooney e Dimitar Berbatov. No segundo tempo,
ainda tentou a reação ao promover as entradas de Ryan Giggs, Antonio
Valencia e Michael Owen, sem sucesso. O meia brasileiro Anderson
também participou do confronto, como titular.

Esta é a primeira vez em 26 anos que o Manchester United caiu na
terceira fase da Copa. A mais recente havia sido em 1984, ainda na
era pré-Alex Ferguson (o treinador assumiria o comando do time dois
anos depois), quando foi eliminado pelo Bournemouth.

A vitória também foi a primeira do Leeds no Old Trafford desde
1981, e reacendeu em seus torcedores a esperança de que o clube terá
dias melhores.

Com gol de Eduardo da Silva, Arsenal vence e avança na Copa da Inglaterra

Sem mais artigos