Um documentário produzido com apoio da organização Ocean Conservation Research tem levantado a questão de como sonares de uso da marinha militar de diversos países impactam a vida das baleias, inclusive causando sua morte.

O filme Sounds of the Sea, ou Barulho dos Mares, dirigido por Volker Barth, explora o problema causado pela frequênicias dos radares submarinos. Sangramentos interno e confusão mental para navegar são apenas alguns dos efeitos causados em baleias e golfinhos, já que esses animais também emitem sons como uma espécie de radar natural para  se locomoverem pelas águas.

Uma das hipóteses levantadas por pesquisadores que estudam a situação, é que os animais ficam desorientados quando percebem os sonares. Uns emergem muito rápido, provocando danos pulmonares. Outros tentam se afastar do barulho e acabam encalhando nas praias. Alguns observadores relatam que presenciaram baleias se contorcendo próximo a locais onde navios militares realizavam testes com sonares.

O documentário ainda sugere uma triste relação sobre o porque desse problema não ser combatido. No caso da marinha americana, os militares controlam cerca de 95% dos fundos destinados à pesquisa marinha, assim, cientistas correm o risco de serem boicotados caso seus estudos entrem em conflito com os interesses militares.

Sem mais artigos