Uma emissora de televisão do Reino Unido foi condenada por exibir imagens de crueldade contra animais em um reality show gravado na Austrália. Entre outras coisas, o ITV Studios, produtor de I’m a Celebrity: Get Me Out of Here, exibe dois participantes retirando a pele, cozinhando e comendo um rato.

A multa, no valor de 3 mil dólares australianos (cerca de R$ 4,8 mil), foi definida pela Justiça australiana na segunda-feira (8), após denúncia da RSPCA, ONG que atua em defesa dos animais.

Em dezembro, a RSPCA apresentou a queixa contra o chefe de cozinha Gino D’Acampo e o ator Stuart Manning, os participantes do programa que protagonizaram a cena de sacrifício e preparação de um risoto de rato. Segundo os ativistas, o animal gritou de dor e sofreu durante mais de um minuto e meio antes de morrer.

A ITV assumiu a culpa e a RSPCA decidiu abandonar a denúncia contra os dois participantes, segundo informações de David O’Shannessy, membro da RSPCA. Se condenados, eles poderiam ter enfrentado até três anos de prisão. A ONG argumenta que o abate e preparação de um animal para consumo humano não deve implicar dores, desconforto ou sofrimento do animal.

Veja imagens do episódio:

Emissora de TV é multada por exibir imagens de sacrifício de um rato

Sem mais artigos