Sílvio Santos e a turma de Gossip Girl levaram uma rasteira da equipe de CSI. O seriado exibido pela Record recuperou a vice-liderança do Ibope e ajudou a emissora a se tornar a única a registrar aumento de audiência em fevereiro.

Além da série, o aumento de popularidade da novela Betty, a Feia e a transmissão das Olimpíadas de Inverno também ajudaram a Record a crescer de 6.9, em janeiro, para 7.2 no mês seguinte.

Já a emissora do “patrão” se deu mal ao trocar Supernatural por Gossip Girl e Smallville: o SBT, que tinha conseguido 6 pontos em janeiro, caiu para 5.6. E mesmo a poderosa Globo teve uma ligeira queda, passando de 16.5 para 16.4, segundo o Ibope.

Esses números se referem à média diária, que considera toda a programação exibida pelas emissoras entre as sete da manha e as oito da noite.

Mas a tendência se repetiu também no horário nobre, entre as seis da tarde e a meia-noite. Aliás, foi aí que a Record mais cresceu, passando de 9.2 para 9.9, enquanto via suas concorrentes diretas amargando a perda de preciosos pontinhos.

Nessa faixa horária, a Globo passou de 25.1 para 24.6, enquanto o SBT foi de 6.7 para 5.9.

Sem mais artigos