No dia em que o automobilismo fica marcado pelo retorno de Felipe Massa ao Brasil, o esporte relembra outro grave acidente. Há 3 anos, o brasileiro Cristiano da Matta sofreu uma colisão a 160 km/h com um cervo.

O acidente aconteceu ainda na sessão de treinos do Champ car, no Road America, em Elkhart Lake, Estados Unidos. Depois da batida no animal, da Matta ainda se chocou com o muro de proteção da pista.

Logo após atropelar o mamífero, o piloto foi encaminhado para o hospital Theda Clark Medical Center e realizou uma operação de emergência. A intervenção cirúrgica teve de ser realizada após uma tomografia apontar um hematoma subdural em sua cabeça.

Depois do acidente, da Matta teve um longo período de recuperação devido a forte lesão na cabeça, mas após muito tempo voltou as pistas em corridas de turismo em solo norte-americano.

A grande diferença entre o acidente de Felipe Massa e Cristiano da Matta foi o tamanho e peso do objeto com o qual os pilotos se chocaram. Um cervo tem geralmente mais de 1,50 m além de pesar em média mais de 100 kg. Já a mola do piloto da Ferrari tem aproximadamente 1 kg e menos de 80 centímetros.

Nos dois casos, os pilotos brasileiros se recuperaram. Felipe Massa já retornou ao Brasil e fará uma bateria de exames no Hospital São Luiz apenas como efeito comparativo com os resultados da Hungria.

Sem mais artigos