O cantor Adam Lambert, um dos finalistas da edição 2009 do programa American Idol, causou polêmica em sua apresentação no American Music Awards no último domingo (22). O músico simulou sexo oral com um de seus dançarinos, beijou o tecladista na boca e mostrou o dedo do meio para o público do evento.

Após a apresentação, a rede ABC cancelou a participação de Lambert no programa Good Morning America, que vai ao ar hoje (25), afirmando que o show do cantor não se adequa à faixa-etária do público matutino.

O cantor, em entrevista dada nesta segunda-feira, afirmou que seu objetivo não é chocar o público gratuitamente, e sim promover a liberdade artística. “A questão é a seguinte: diversos artistas têm utilizado o erotismo e a sexualidade em seus shows há anos, mas quando um homem faz isso, as pessoas enlouquecem”, afirmou Lambert. “Se minha performance ofender às pessoas, talvez eu não seja para elas”, completou.

Lambert irá se pronunciar a respeito da polêmica na próxima edição do programa The Early Show, da rede CBS.

 

Sem mais artigos