O primeiro-ministro da Itália, Silvio Berlusconi, voltou hoje (11) a atacar a imprensa estrangeira, a qual acusou de assumir um “espírito antiitaliano”, o que acaba danificando as exportações do país.


 


“Existe um espírito antiitaliano. Alguns jornais estrangeiros, adestrados por parte da imprensa italiana, só fazem acusações ridículas que danificam a Itália, afetando não só o presidente do Conselho de Ministros, mas nossa democracia e nosso país”, disse Berlusconi, em um comício na cidade de Benevento, no sul do país.


 


Segundo o primeiro-ministro, essas críticas também danificam a economia italiana, em especial as exportações, segundo ele.


Berlusconi acrescentou que os jornais estrangeiros deveriam ter uma imagem da Itália “bela, forte e pura” e não contaminada pelo que diz a imprensa italiana atualmente.


 


As palavras de Berlusconi foram amparadas com fortes aplausos por militantes do partido Povo da Liberdade (PdL), que gritavam “Silvio, santo já”.

Berlusconi acusa imprensa estrangeira de danificar sua imagem e a da Itália

Sem mais artigos