Seguindo o bom humor do mercado internacional, iniciado após o Japão anunciar crescimento de 4,8% do Produto Interno Bruto no terceiro trimestre e mantido com a divulgação do aumento de 1,4% das vendas do varejo nos Estados Unidos, a Bolsa de Valores de São Paulo teve expressiva alta, se aproximando do maior patamar atingido neste ano.


 


Ao final desta segunda-feira (16), o Ibovespa avançava 1,99%, aos 66.627 pontos, com forte giro financeiro de R$ 10,2 bilhões, uma vez que o pregão envolvia o vencimento do exercício de opções. O maior patamar da Bovespa em 2009 foi atingido em 19 de outubro, com 67.239 pontos e, entre as principais ações, Petrobras ganhou 1,29%, Vale subiu 3,50%, CSN avançou 3,57% e Bradesco teve valorização de 2,13%.


 


Nos Estados Unidos, mesmo após o presidente do Federal Reserve, Ben Bernanke, assegurar que o crescimento da economia norte-americana ficará abaixo do esperado em 2010, os investidores mantiveram o ânimo. Ao final do dia, Dow Jones subia 1,33%, Nasdaq registrava valorização de 1,38% e S&P 500 subia 1,45%.


 


Na Europa, Londres registrava avanço de 1,63%, Paris avançava 1,50% e Frankfurt tinha alta de 2,07%. O dólar comercial iniciou a semana com recuo de 0,69%, valendo agora R$ 1,710, enquanto o euro caiu 0,68%, para R$ 2,568.

Bovespa inicia semana com valorização de 1,99%

Sem mais artigos