Em 2006, a atriz Brittany emprestou sua voz para a faixa Faster Kill Pussycat, produzida pelo DJ Paul Oakenfold, que abriu os shows da Madonna durante a turnê Sticky & Sweet. Em entrevista para a People, o DJ disse que Brittany tinha “grande potência vocal”.

“Brittany treinou para ser cantora antes de se tornar atriz”, revelou Oakenfold durante a entrevista. Sobre a parceria, o artista diz que ela tinha dúvidas no começo. “Eu falei para ela: as pessoas vão ficar chocadas com o que vão ouvir. Você não é uma daquelas atrizes que quer cantar e faz um trabalho ruim”, disse.

Nos últimos anos, Brittany trabalhava em seu próprio disco. “Ela teria mandado muito bem”, afirma o DJ. “Ela queria experimentar comigo ritmos do soul misturado com eletrônico. Brittany estava animada e é uma pena que o mundo nunca ouça suas músicas”, completa.

Sem mais artigos