No verão, pessoas com pele oleosa sofrem. Basta uma onda de calor para a pele ficar com aspecto gorduroso, o que é totalmente desagradável principalmente para as mulheres que usam maquiagem. Para saber como lidar com esse problema, o Girls and Boys conversou com a dermatologista Carla Albuquerque.

Como controlar a oleosidade da pele ao longo do dia?
Usar sabonetes e loções adstringentes duas vezes ao dia (pela manhã, ao acordar, e à noite, antes de dormir). Não lavar mais que três vezes ao dia, uma vez que pode ocorrer o que chamamos de efeito rebote: a pele entende que está seca demais e produz ainda mais sebo. Usar filtros solares “oil free” com efeito matte também ajuda a controlar o brilho típico da pele oleosa.

No verão, quais cuidados deve-se tomar ao usar os produtos para que a pele não fique manchada?
– Aplicar um bom fotoprotetor com FPS 30 diariamente e reaplicar com freqüência;
– Consultar um dermatologista para saber quais são os ácidos permitidos durante o verão para não correr riscos de a pele manchar (geralmente contra-indicamos o uso de ácido retinóico para quem pretende se expor ao sol nessa época do ano);
– Na praia ou na piscina, evitar exposição solar entre 10 e 16 horas e não esquecer de reaplicar o filtro solar a cada duas horas;
– Não cutucar nem espremer espinhas e cravos.

Porque a pele queimada de sol fica ainda mais oleosa e com espinhas?
Porque a exposição exagerada ao sol pode estimular a produção de sebo e também pode fazer com que os poros inchem.

Qual o protetor solar mais adequado para pele oleosa?
Aqueles que são “livres de óleo” com texturas leves. Os mais adequados são em gel, loção “oil free” ou gel creme.

Essa história de que tomar sol ajuda a secar as espinhas é mito ou verdade?
Mito. Na realidade, pode ocorrer uma melhora inicial nas lesões inflamatórias, mas geralmente há um efeito rebote, ou seja, há uma piora do quadro na sequência. Isso porque o sol pode aumentar a produção de sebo e também pode fazer com que os poros inchem, o que aumenta as chances de retenção de sebo no local e, consequentemente, mais espinhas podem surgir.

Sem mais artigos