Após sofrer ameaças pelo Twitter, a cantora Claudia Leitte também bateu de frente com intimidações contra seu filho, o bebê Davi, de 1 ano e 5 meses. Por meio da rede social, meninas chegaram a mandar mensagens dizendo que “fariam boneco de vodu de seu filho”.

A cantora passa por um momento difícil em relação à rede mundial de computadores. Recentemente, um site inglês de pornografia usou fotos de Claudia, identificando-a como Emanuelle, garota de programa bissexual com fluência em inglês e português. A estrela baiana – nascida no interior do Rio de Janeiro – diz também que uma pessoa, há um tempo atrás, teria registrado o domínio de site com seu nome, no intuito de tirar vantagens financeiras dela mais tarde.

Claudia, em entrevista à revista Veja desta semana, afirma que pretende liderar uma campanha contra os riscos do mundo virtual para alertar as pessoas sobre o perigo de terem seus dados forjados no mundo virtual.

Sem mais artigos