Mesmo em um cenário de recuperação da economia e com o aumento da confiança do consumidor, a procura por crédito caiu pelo segundo mês consecutivo em setembro. Na comparação com agosto, houve uma diminuição de 3,4% neste tipo de demanda.

De acordo com a Serasa, responsável pela pesquisa, a procura por crédito no mês de agosto já havia caído 0,3%, depois de cinco meses de alta. A queda em relação ao mesmo mês do ano passado foi de 1,3%.

Os dados fazem parte do Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor por Crédito, que foi divulgado nesta quarta-feira (14). No caso das pessoas físicas, a queda registrada na demanda por crédito no acumulado do ano chega a 3,8%, em relação ao mesmo período do ano passado.

Um dos motivos apontados para a queda na demanda pro crédito nos últimos meses é o esgotamento do ciclo de expansão do endividamento dos consumidores. A Serasa entende que a renda disponível não tem avançado na mesma velocidade que a oferta de crédito.

Demanda por crédito volta a cair em setembro

Sem mais artigos