O cantor Dinho Ouro Preto, vocalista do Capital Inicial, comentou o acidente que sofreu no último dia 31 do mês passado, quando caiu de uma passarela de três metros de altura na cidade de Patos de Minas.

Hospitalizado logo após o show, o líder da banda brasiliense agradeceu o apoio dos fãs e falou sobre a previsão de saída da UTI onde segue internado.

Leia abaixo a carta na íntegra.

“Caros amigos, em primeiro lugar, agradeço a consternação e preocupação pelo meu estado de saúde.

Gostaria de dizer que todo dia me sinto um pouco melhor, no entanto, estou na UTI e continuarei aqui até sábado em observação.

O que aconteceu foi grave, mas tenho plena consciência de que poderia ter sido muito pior. Cai de um palco de 3 metros de altura e só não morri porque fui amparado pelos fãs. Voluntariamente ou não.

Quebrei três costelas, trinquei seis vértebras, levei cinco pontos no queixo, machuquei meus rins, minha cabeça e meus dentes.

Tenho dificuldade de me concentrar, de abrir os olhos – a luz me incomoda. Portanto, não posso receber visitas de todos que comparecem ao hospital.

Por fim, quero reiterar o agradecimento à solidariedade e às mensagens que vêm dos quatro cantos do País.

Isso não para de me lembrar qual o propósito da minha vida: nossos fãs.

Muito obrigado,

Amo vocês e estarei logo melhor

Pensamento positivo!

Dinho”

Sem mais artigos