O coordenador de projetos sociais da ONG AfroReggae, que atende crianças das favelas do Rio de Janeiro, foi assassinado na madrugada deste sábado (17) em um aparente assalto no centro da cidade, informou a Polícia.

Evandro João da Silva, de 42 anos e um dos principais dirigentes da ONG, foi baleado por volta de 1h30 (de Brasília) deste domingo, quando chegava a seu carro após deixar com amigos uma casa noturna no centro da cidade.

De acordo com algumas testemunhas, dois homens armados a bordo de um veículo encurralaram Evandro João Silva e o balearam depois de roubar sua carteira, celular e sapatos, fugindo em seguida.

O militante social conseguiu gritar por socorro, mas as primeiras pessoas que chegaram ao local já o encontraram morto, junto a uma arma abandonada pelos assaltantes.

Sem mais artigos