Nunca se deu tanta camisinha de graça no Brasil. Praticamente um terço dos brasileiros que usam o preservativo o recebe de graça hoje. No espaço de um ano, foram 406 milhões de camisinhas distribuídas no país.

Segundo declarou o Ministério da Saúde, a quantidade distribuída pode aumentar porque foi conseguido um preço 6% menor em relação à compra do ano anterior. A camisinha feminina também ganhou 10% de redução no seu imposto de importação.

A estatística aponta que 30% dos brasileiros usuários de camisinha conseguem o produto de graça. A camisinha é considerada um dos métodos mais eficazes na prevenção da gravidez indesejada e das doenças sexualmente transmissíveis como a Aids.

Sem mais artigos