O modelo e namorado brasileiro de Madonna, Jesus Luz, que tem tirado uma batia onda como DJ “profissional” e abocanhado cachês astronômicos em suas apresentações, foi acusado pelo DJ alemão Tocadisco de se apresentar com um disco pré-mixado enquanto fingia discotecar.

A apresentação do jovem modelo acabou enfurecendo Tocadisco, que não perdeu tempo ou sequer mediu palavras para mostrar sua total e completa indignação com a performance de Jesus atrás das pick-up, chamando-o de fraude e de “brinquedo sexual”. O blog Bate Estaca, do DJ Camilo Rocha, reproduziu os tweets revoltados de Tocadisco que você pode ver negritados abaixo:

“…just had to move my playtime for Madonna’s fucktoy “Jesus” who was playing a mix cd pretending to be a DJ! fuck him…

(tive que mudar meu horário de tocar para o brinquedinho de fuder de Madonna, “Jesus”, tocar um CD mixado, fingindo ser um DJ! Foda-se ele)

show respect for real artists… not wannabe’s

(mostre respeito por artistas de verdade… não pra quem paga de artista)
 
“guys… I don’t care about my playtime. If its one hour before or one hour after. the point is that the guy played a pre-mixed mix and acted…”

 (galera.. eu não ligo para horário de tocar. Se é uma hora antes ou depois. A questão é que esse cara tocou um set pré-mixado e fingiu)

 …Like he is a DJ!

(…como se ele fosse um DJ!)

Resta saber se Tocadisco tem conhecimento de que Jesus Luz levou R$ 30 mil para se apresentar no festival nordestino Ceará Music Festival e mais R$ 18 mil para tocar no Green Valley de Camburiú. Os valores, realmente altos para um cache de DJ, só não são maiores que a animação do modelo em frente às pick-up, como você pode ver no vídeo abaixo.



Sem mais artigos